Bedford QLB 4X4 Bofors Gun Tractor - IBG 1/72
Escrito por Ricardo Haddad   
Ter, 04 de Maio de 2010 00:00
 
Item n. 72004

A polonesa IBG Models estreou no segmento de kits plásticos de militaria na escala 1/72 com um item que é pouco coberto pelos fabricantes tradicionais para kits injetados: kits de caminhões aliados. Até então existiam como opções em plástico alguns kits de fabricantes ingleses, em 1/76, com moldes de mais de 30 anos e muito simples, com uso na maioria dos casos por parte de wargamers, exigindo dos modelistas uma grande dose de pesquisa e paciência para correções e/ou adições de itens não incluídos.

O tema em questão é o famoso caminhão britânico de 3 toneladas QLB, cujas múltiplas versões superaram as 52 mil unidades durante sua produção (1941 – 1945). Seu chassi permitiu uma variedade de versões: transporte de infantaria, carro para combate a incêndio, de comunicações, transporte de artilharia, dentre outros. Iremos nos deter na versão destinada ao transporte do canhão antiaéreo Bofors, que é a representada pela IBG do nosso exemplar.

O kit vem em uma caixa grande, não usual para a escala, semelhante à Extratech em tamanho, com uma arte muito bem feita do modelo, além de representar o canhão Bofors, não incluído, que possivelmente poderá ser lançada em separado no futuro. Atualmente a única opção para acompanhar o kit da IBG é o kit em 1/76 do Bofors da Airfix, que é muito bem injetado, ainda que seja datado de 1976. A caixa contém breve histórico do QLD e avisos de segurança em inglês, alemão e polonês, além de fotos menores, embora iguais, às da tampa da caixa.

O kit é injetado em 2 árvores cinza, embaladas individualmente, totalizando 133 peças (2 não serão utilizadas), além de decais para 2 versões: 11ª Divisão blindada Britânica 1944 (a da capa - camuflagem “Mickey Mouse” em verde / preto) e 1ª Divisão blindada Polonesa, 1944/1945 (toda em verde escuro). Também acompanham uma folha de acetato com o gabarito dos “vidros” impressos, possibilitando um fácil corte e acabamento limpo no kit.

As instruções são em preto e branco, possuem o desenho das árvores, indicação de pintura com equivalência para 4 fabricantes e indicam a montagem em 16 etapas, muito claras com utilização de CAD. Existe a possibilidade de o kit poder ser montado com a lona traseira ou sem a lona, com as barras de metal expostas.

O kit me causou muito boa impressão: nenhuma rebarba foi detectada no meu exemplar. As peças foram muito bem definidas e estão presentes muitos detalhes finos, como um bloco de motor e picaretas muito bem moldadas, desmontadas. A roda estepe para o Bofors também chamou atenção, bem como a delicadeza dos espelhos, que são difíceis de serem reproduzidos de maneira decente em 1/72. As marcas de injeção estão em sua maioria inteligentemente escondidas e provavelmente não necessitarão de preenchimento. Contudo, detectamos apenas 2 pequenos problemas de injeção, mas que não alteram o brilhantismo do kit: será necessário ser preenchidos o topo e o fundo do tanque de combustível. Uma das rodas também apresentou problema semelhante, mas se for utilizada como roda estepe (pois vêm 5) nem necessitará de ser preenchida com massa.

Pelo número grande de peças, recomendamos a utilização no mínimo por modelistas com experiência intermediária. Algumas partes, como o chassis, requerem atenção para o correto posicionamento dos itens da suspensão e escapamento, aliás, também muito bem representados. O kit poderá ser montado direto da caixa, mas sempre existe espaço para melhoramentos: os estribos (peças B 23) podem ser afinados ou substituídos por outros mais finos. Os pára-lamas dianteiros e traseiros (peças A 41, B30 e B 31) também podem ser afinados. Um peça à direita do estribo (B29 e B51), que aparentam ser um suporte para jerrycans não aparenta estar devidamente representada. E sugiro substituir os cabos das picaretas (peças B 38) por outras mais finas. A lona traseira (item B7) pode ser detalhada para que seja obtida um pouco de textura e fique mais realista, enquanto que as peças da versão sem lona (B 35 e B 36) podem ser substituídas por outras mais finas em arame. Vejo que modelistas mais perfeccionistas poderão vir a fazer mão de photoetches.

Mas nenhuma dessas observações empana a beleza de um kit que deverá montar fácil e reproduzir um item que ainda vem sido esquecido por outros fabricantes em plástico, mas não pela IBG, que já lançou 5 versões do QLD e diversas do Chevrolet, mas essa já é outra história.

Dessa forma, recomendo fortemente o item para pessoas que já tenham alguma experiência em montagem.

  fotos cortesia de Henk of Holland!


Obrigado a  HOBBYTERRA pelo modelo deste review

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Clique nos links para ir a pagina.

Notícias e Reviews Anteriores

Ultimas do Forum